É verdade. Este meu blog já fez um ano de existência, no passado dia 27 de Agosto. Como vim de férias e tenho andado algo ocupado, deixei passar tão ilustre data...

Aproveito para agradecer todo o vosso apoio e incentivo ao longo deste período. Foi um ano de muitas notícias e algumas histórias, que sempre tentei serem de interesse geral, embora, e tal como defini no princípio, estivessem confinadas ao meu universo de experiências e de vida, de gostos e de interesses e, também, de amigos.

Volvido um ano, dá gosto ver que esta minha aventura pela "blogosfera" não se iniciou em vão e que, hoje, o meu blog é, para muitos, uma referência. Quer seja pelos filmes que aconselho, quer pelos diversos assuntos tratados, que desde terem suscitado o interesse de uma aluna do Brasil, que me pediu licença para usar um artigo meu no seu trabalho de monografia, passando por um galego que alegou visitar o blog de "vez en cando para descubrir" o meu "talento para colocar posts excelentes" (passou a citá-lo no seu), até uma jornalista da "Visão", que veio aqui consultar uns dados para fechar um artigo. Portanto, Liberiosleisures é um autêntico manancial de informação, o que me enche de orgulho.

Por outro lado, tratando-se de um site pessoal e “caseiro”, sem qualquer objectivo comercial ou de divulgação, surpreende-me que o mesmo receba, em média, mil visitas mensais. E, pasmem-se, quase metade dos acessos ocorrem fora de Portugal: uns 300 do Brasil, uns 20 dos EUA e algumas unidades de Espanha, Reino Unido, Angola, Holanda, Alemanha e até Japão. Não é incrível? Saibam ainda que cerca de 70% têm acesso ao meu blog através de motores de pesquisa. Todos estes dados são-me fornecidos pelo Google Analytics.

Bom, e poderia continuar a descrever e enaltecer o meu blog, que é "de se tirar o chapéu" (como estou a fazer na foto), mas vocês já o conhecem bem. Espero que o meu "modesto" Liberiosleisures continue a servir de consulta e de referência, que continue a suscitar curiosidade e que, por isso, o continuem a visitar. Adicionem-no aos vossos favoritos. Façam comentários e dêem sugestões. Até ao próximo "post"!

Etiquetas:

One Response so far.

Comente este artigo